Páginas

Festas de Haloween - Great Jack-o'-lantern

A suprema arte da escultura em abóboras                              fotos by: Ira    


          
          Minha segunda chance na Região de New England, Estados Unidos, proporcionou-me a oportunidade de conhecer mais de perto as festividades do Haloween. 

          Decoração especial na frente das casas e no comércio em geral, crianças vestidas de fantasias relacionadas aos mortos, travessuras & doçuras. 
          
          E muitas abóboras por todos os lados. 






































          


O auge parece ser o Great Jack-o'-Lantern Blaze, o grande festival de “Jack da lanterna”, em Cortlandt Manor, Nova York, que se encerra nesta semana, após o Thanksgiving.
          


          Lendas e histórias do folclore popular dizem bastante sobre a alma do povo que as cultiva. 

          As “Lendas do Sul”, de João Simões Lopes Neto (link aqui) me mostraram o imaginário gauchesco.

  O mesmo em Florianópolis, com as extraordinárias façanhas bruxólicas diligentemente coletadas pelo bruxo-mor, Franklin Cascaes (link aqui), além de tantos contos de outras regiões, de origem indígena, africana e dos imigrantes europeus, que ajudaram a moldar a nossa imaginação coletiva.
         
          O Great Jack-o'- Lantern Blaze é um espetáculo de outono que reúne num só local milhares de abóboras iluminadas. 

          A tradição foi trazida pelos imigrantes irlandeses, que encontraram na abóbora um substituto para as esculturas que faziam em grandes nabos, batatas e até beterrabas.
         

          É um imenso trabalho artesanal elaborado por vários artistas. Os arranjos temáticos envolvem várias categorias, entre músicos, iluminadores e o pessoal que trabalha com efeitos especiais sincronizados. O Blaze começou em 2005 e se torna maior a cada ano.


          O portal de entrada conduz o visitante diretamente a um “planetário” de abóboras iluminadas, ao lado da Abóbora Zee Bridge. A Pumpkin Promenade é um passeio para observar  caveiras,  fantasmas, homens-sem-cabeça, esqueletos de dinossauros, aranhas gigantes, enfim, uma parada do outro mundo.
          Um trem para o circo, tumbas, palhaços, gatos arrepiados, mortos-vivos e até flores-cadáveres. É o apogeu da arte de esculpir em abóboras, iluminadas por dentro com uma vela acesa ou, para os mais modernos, lâmpadas elétricas. O termo jack-o’-lantern tem origem na descrição do fenômeno conhecido no Brasil como fogo-fátuo, de onde provém a nossa famosa Cobra-Norato.
 
Serpente emergindo ao lado do rio Croton
     A terra treme quando a gente se aproxima do Jurassic Park e seu rebanho de dinossauros-esqueletos.

          Mas, tem muito mais tesouros em abóboras iluminadas para se ver.
         
---]





Site oficial: (aqui)
---] 



Nenhum comentário:

Postar um comentário