Páginas

Cambridge e Oxford

Pelos caminhos das universidades famosas                        fotos by: Isadora Pamplona
 
Cambridge
          Cambridge e Oxford tornaram-se famosas pelas suas universidades (surgidas a partir do Século XIII) e especialmente pelos alunos célebres que frequentaram aquelas salas (prêmios Nobel, políticos, cientistas, artistas). 
          As duas cidades são muito parecidas e até competem entre si. Ambas ostentam a magnificência arquitetônica dos seus prédios históricos. Por ter ido primeiro a Cambridge, que me surpreendeu positivamente, Oxford (mais antiga) perdeu para mim um pouquinho de charme na comparação.
         

          


          Em Cambridge, é possível conhecer o centro histórico e grande parte de seus atrativos a pé. Há muitos parques e espaços abertos. Sua paisagem mais típica e pitoresca é formada por moradores (centenas de jovens estudantes) e turistas deslizando em pequenos botes movidos por longos remos no rio Cam, que atravessa a cidade. É bonito de ver e participar. São barcos alugados e o percurso privilegia a vista para os fundos dos pátios ajardinados e os extensos gramados das célebres faculdades.
Ala interna -  King’s College (Lais e eu)
          Entre as principais atrações locais, estão: Trinity College e St. John’s College (com a famosa ponte, também chamada Ponte dos Suspiros). Na Capela da King’s College (estilo gótico inglês, concluída em 1515), impressionantes vitrais e o Altar Maior com a obra “Adoração dos Magos”, de Rubens. 
          Na grande área central (Great Court) da Trinity, dizem, ainda existe a macieira que inspirou Newton a descobrir a Lei da Gravidade.
Oxford
          Oxford, também famosa por sua universidade, foi a primeira a descobrir sua vocação para transformar-se num imenso campus (são 39 faculdades espalhadas pela cidade) e tornou-se Patrimônio da Humanidade. Ostenta um ar mais imponente (e vetusto). Alguns dos seus edifícios são centenários, com aquela inigualável arquitetura gótica que me fascina.
Bodleian Library

          Entre suas atrações está a Christ Church Catedral, fundada em 1525. 



          Em meio a um complexo de prédios históricos, um dos locais mais visitados e fotografados é a Radcliffe Camera, parte da biblioteca  (Bodleian Library), com seu inusitado formato arredondado.
          


Great Hall

          
          Lewis Carroll lecionava em Oxford e possível supor que  muitos dos recantos ali serviram de origem para os conhecidos livros de Alice
          No Great Hall, os turistas logo reconhecem o refeitório que serviu de modelo para o Salão de Hogwarts, das histórias de Harry Potter, que teve algumas cenas gravadas na cidade.
          


          A ponte Hertford também é chamada Ponte dos Suspiros por lembrar a famosa ponte de Veneza, mas é mesmo apenas uma passagem entre dois prédios.
          Salientando as semelhanças com Cambridge, Oxford também oferece passeios de barco pelo rio aos turistas. Em ambas é comum deparar com pessoas de todas as idades andando de bicicleta. As duas possuem movimentada área de comércio, com shoppings, lojas, livrarias, pubs, cafés e restaurantes. Ficam próximas de Londres e revelam-se ótima escolha para passeios de um dia (para cada uma delas), com acesso fácil de ônibus ou trem.
---
Dicas/experiências:
Turismo: Site oficial (www)
---

Nenhum comentário:

Postar um comentário